Busca
  
  1. Extranet
  2. Idioma
  3. Global sites
PR Newswire: Distribuição de notícias, targeting, monitoramento e soluções de marketing.

Pacific Rubiales anuncia aquisição de participação no Bloco Z-1, na costa do Peru

TORONTO, 27 de abril de 2012 /PRNewswire/ -- A Pacific Rubiales Energy Corp. (TSX: PRE) (BVC: PREC) (BOVESPA: PREB) anunciou hoje que chegou a um acordo com a BPZ Resources, Inc. ("BPZ") (NYSE: BPZ) (BVL: BPZ) para iniciar uma série de transações que resultarão na aquisição da propriedade efetiva de 49% de participação sem divisão (a "Participação") no Bloco de exploração e desenvolvimento Z-1 ("Bloco Z-1"), na costa do Peru. Conforme os termos do acordo, a Pacific Rubiales pagará US$ 150 milhões em dinheiro e estará sujeita a um compromisso de US$ 185 milhões pela parte da BPZ nas despesas exploratórias e de capital no Bloco Z-1.

Quando a Companhia cumprir com seu compromisso com a BPZ em relação às despesas exploratórias e de capital, os sócios irão dividir os custos com base em sua respectiva propriedade de participação. A conclusão da aquisição está sujeita à aprovação das autoridades peruanas competentes.

Ronald Pantin, Executivo-Chefe da Companhia, comentou: "Esta é uma empolgante oportunidade que se adapta de forma excelente à estratégia da Companhia de geração de crescimento lucrativo e diversificação de nosso portfólio de exploração e produção. A aquisição complementa nossa já existente superfície de exploração no Peru e nos proporciona a primeira produção no país. O tamanho da negociação é bastante maleável e nos permite preservar um forte balanço e manter a flexibilidade das despesas de capital. Estes são ativos petrolíferos ponderados com excelente espaço contínuo para expansão da produção, em um país onde identificamos muitas oportunidades. Consideramos que esta é uma negociação atrativa para ambas as companhias".

A Aquisição

A Companhia acredita que os ativos que são a base da Participação são de alta qualidade com significativos benefícios na exploração e no desenvolvimento. A BPZ detém atualmente 100% de participação e é a operadora sob a licença relacionada ao bloco. A superfície da BPZ do Bloco Z-1 abrange uma área de aproximadamente 555 mil acres brutos. O bloco está localizado na bacia marítima de Tumbes, onde o petróleo e o gás estão retidos em reservatórios clásticos de idade Terciária, em lâminas d'água que variam de 200 a 1.000 pés. A aquisição inclui os campos desenvolvidos e produtivos de Corvina e Albacora, três prospectos não desenvolvidos (Piedra Redonda, Barracuda, Delfin), oito possibilidades de exploração e as instalações de produção, infraestrutura e projetos de desenvolvimento já existentes.

A produção média no Bloco Z-1 para os três meses encerrados em 31 de março de 2012 foi de aproximadamente 3.880 bbl/d de petróleo, todos dos campos de Corvina e Albacora. Todo o petróleo é vendido nos mercados domésticos a preços de referência mundial. O total atual (final do ano de 2011) de reservas de petróleo bruto provadas ("1P") no Bloco Z-1 foi estimado pelos avaliadores independentes de reservas da BPZ em 34,7 MMbbl e o total de reservas de petróleo bruto provadas mais prováveis ("2P") foram de 93,9 MMbbl.

Existe um benefício considerável da produção atual esperado para o Bloco Z-1. Corvina também inclui estimativas de 190 Bcf de reservas de gás natural que na presente data não são comerciais. Entretanto, estão sendo desenvolvidos planos para um projeto de gás para geração de energia para fornecer 30 MMcf/d iniciais para uma usina terrestre de geração de eletricidade durante o período de 20 anos, no qual a Pacific Rubiales terá a oportunidade de participar. Três prospectos de exploração e oito possibilidades de exploração no bloco que fornecem benefício adicional do potencial de recursos sem risco estimado em mais de 2 bilhões boe (aproximadamente 50% de petróleo), deverão responder pelo crescimento a longo prazo. As despesas de capital da Companhia com exploração e desenvolvimento deverão ser financiadas pelo fluxo de caixa gerado internamente. Para mais informações sobre o Bloco Z-1, consulte os comunicados à imprensa emitidos pela BPZ em 5 de março de 2012 e 16 de junho de 2011, disponíveis em seu Web Site no endereço www.bpzenergy.com e nos registros mais recentes da BPZ junto à SEC.

A BPZ continuará sendo a operadora da licença, enquanto a Pacific Rubiales assumirá a função de gerente das operações técnicas de acordo com um Contrato de Serviços Operacionais. A BPZ possui atualmente uma força de trabalho técnico e operacional estabelecida no Peru, a qual será complementada com pessoal técnico e gerentes da Pacific Rubiales.

Contexto Estratégico

O Peru é um país com considerável potencial para a exploração e desenvolvimento de petróleo e gás, possui um regime fiscal atrativo e competitivo e incentiva o investimento estrangeiro. A transação fornece à Companhia sua primeira produção e fluxo de caixa operacional no Peru, oferece oportunidades de desenvolvimento para expansão da produção a curto e médio prazo e complementa nossa superfície existente de exploração na Bacia Maranon no interior do Peru.

A transação está sujeita à aprovação da autoridade regulatória do Peru. O Bank of America Merrill Lynch e a GMP Securities, L.P. foram os consultores financeiros da Companhia na transação.

A Pacific Rubiales, uma companhia baseada no Canadá e produtora de gás natural e petróleo bruto pesado, detém 100 por cento da Meta Petroleum Corp., uma operadora de petróleo da Colômbia, que opera os campos de petróleo Rubiales, Piriri e Quifa na Bacia de Llanos em associação com a Ecopetrol S.A., a Companhia nacional de petróleo da Colômbia e 100 por cento da Pacific Stratus Energy Corp. que opera o campo de gás natural La Creciente. A Companhia se concentra na identificação de oportunidades, principalmente ao leste da Bacia de Llanos da Colômbia, assim como em outras regiões na Colômbia e no norte do Peru. A Pacific Rubiales tem participação em 44 blocos na Colômbia, Peru e na Guatemala.

As ações ordinárias da Companhia são comercializadas na Bolsa de Valores de Toronto e na Bolsa de Valores da Colômbia e como Brazilian Depositary Receipts na Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros do Brasil sob os símbolos PRE, PREC e PREB, respectivamente.

A BPZ Energy, listada como BPZ Resources, Inc. na Bolsa de Valores de Nova York e na Bolsa de Valores de Lima, é uma Companhia independente de exploração e produção de petróleo e gás com contratos de licença de exploração e produção em quatro propriedades no Peru. No Bloco marítimo Z-1, a Companhia realiza atualmente o desenvolvimento da descoberta de petróleo em Corvina, bem como a renovação do campo de petróleo Albacora. Adicionalmente, a Companhia procura desenvolver os Blocos terrestres XIX, XXII e XXIII, paralelamente com a execução de uma estratégia integrada de gás para geração de energia, que inclui a geração e venda de eletricidade no Peru e o desenvolvimento de uma estratégia regional de comercialização de gás. A Companhia também possui participação não operacional nos lucros líquidos em uma propriedade produtiva no sudoeste do Equador. Visite o Web Site da Companhia no endereço www.bpzenergy.com para mais informações.

Avisos

Advertência com relação às Declarações Prospectivas

Este comunicado à imprensa contém declarações prospectivas. Todas as declarações, que não as declarações de fatos históricos, que tratam de atividades, eventos ou desenvolvimentos que a Companhia acredita, espera ou antecipa que irão ou que podem ocorrer no futuro (inclusive, sem limitação, declarações sobre estimativas e/ou suposições em relação à produção, receitas, fluxo de caixa e custos, estimativas de reserva e recursos, recursos e reservas potenciais e os planos e objetivos de exploração e desenvolvimento da Companhia) são declarações prospectivas. Estas declarações prospectivas refletem as expectativas ou crenças atuais da Companhia, com base nas informações atualmente disponíveis para a Companhia. As declarações prospectivas estão sujeitas a vários riscos e incertezas que podem fazer com que os resultados reais da Companhia sejam materialmente diferentes daqueles discutidos nas declarações prospectivas, e até mesmo, caso tais resultados reais se concretizem, ou substancialmente se concretizem, não pode haver qualquer garantia de que eles terão as consequências esperadas ou efeitos sobre a Companhia. Os fatores que podem fazer com que os resultados reais ou os eventos sejam materialmente diferentes das expectativas atuais incluem, entre outras coisas: incerteza das estimativas de capital e custos operacionais, estimativas de produção e retorno econômico estimado, possibilidade de que as circunstâncias reais sejam diferentes das estimativas e das suposições, fracasso em estabelecer estimativa dos recursos ou reservas; flutuações nos preços do petróleo e taxas de câmbio, inflação, mudanças nos mercados acionários; desenvolvimentos políticos na Colômbia, Guatemala ou no Peru; alterações dos regulamentos que afetam as atividades da Companhia, incertezas quanto à disponibilidade e custos de financiamento necessários no futuro, incertezas envolvidas na interpretação dos resultados de perfuração e outros dados geológicos e outros riscos divulgados sob o título "Fatores de Risco" e em qualquer outro lugar no  formulário de informações da Companhia datado de 14 de março de 2012 e arquivado no SEDAR no endereço www.sedar.com. Qualquer declaração prospectiva somente é efetivada a partir da data em que é feita e, exceto quando exigido por legislação aplicável de valores mobiliários, a Companhia não assume qualquer intenção ou obrigação de atualizar qualquer declaração prospectiva, seja como resultado de novas informações, eventos ou resultados futuros ou de outra forma. Apesar de a Companhia acreditar que as suposições inerentes às declarações prospectivas sejam razoáveis, as declarações prospectivas não são garantias de desempenho futuro e, consequentemente, confiança indevida não deve ser posta em tais declarações, devido à incerteza que nelas possa estar contida.

Adicionalmente, os níveis de produção reportados podem não refletir as taxas de produção sustentáveis e as taxas de produção futura podem diferir materialmente das taxas de produção refletidas neste comunicado à  imprensa devido a, entre outros fatores, dificuldades ou interrupções encontradas durante a produção de hidrocarbonetos.

Conversão do Boe

O boe pode ser enganador, particularmente se usado isoladamente. A taxa de conversão do boe de 5,7 Mcf: 1 bbl é baseada em um método de conversão de equivalência de energia aplicável principalmente na ponta do queimador e não representa uma equivalência do valor na cabeça do poço. Os valores estimados divulgados neste comunicado à  imprensa não representam o valor justo de mercado. As estimativas das reservas e receitas líquidas futuras para propriedades individuais podem não refletir o mesmo nível de confiança que as estimativas das reservas e receitas líquidas futuras para todas as propriedades, devido aos efeitos da agregação.

Definições



Bcf

Bilhão de pés cúbicos.

Bcfe

Bilhão de pés cúbicos de gás natural equivalente.

bbl

Barris de petróleo.

bbl/d

Barris de petróleo por dia.

boe

Barril de Petróleo Equivalente. O boe pode ser enganador, particularmente se usado isoladamente. O padrão colombiano é uma taxa de conversão boe de 5,7 Mcf: 1 bbl e é baseada em um método de conversão de energia de equivalência aplicável principalmente na ponta do queimador e  não representa uma equivalência do valor na cabeça do poço.

boe/d

Barris de óleo equivalente por dia.

Mbbl

Milhares de barris.

Mboe

Milhares de barris de óleo equivalente.

MMbbl

Milhões de barris.

MMboe

Milhões de barris de óleo equivalente.

Mcf

Milhares de pés cúbicos.

MMcf

Milhões de pés cúbicos.

WTI

Petróleo bruto intermediário do Oeste do Texas.







Imagem com legenda: "Bloco Z-1 (CNW Group/Pacific Rubiales Energy Corp.)". Imagem disponível no endereço: http://files.newswire.ca/959/Block_Z-1.jpg

Para mais informações:

Christopher (Chris) LeGallais

Vice-Presidente Sênior, Relações com Investidores

+1 (647) 295-3700

Carolina Escobar V

Gerente Corporativa, Relações com Investidores

+57 (1) 628-3970

FONTE  Pacific Rubiales Energy Corp.



Contate-nos

Obtenha mais informações

ou fale conosco pelo telefone

+55 11 2504 5100

Veja nossas notícias

Acesse nossa página de notícias e fique atualizado com as informações mais importantes do dia.

Seja um parceiro

Receba automaticamente em seu site nossas notícias, atualizadas a todo instante. Veja os formatos disponíveis e cadastre seu site agora mesmo!