Página Inicial
A FATOR MÍDIA KIT RSS BLOGS BOLETIM TV FATOR BRASIL LINKS
Busca: OK
CANAIS

Estudantes da UNAM convertem isopor em matéria-prima

CIDADE DO MÉXICO, 10 de julho de 2014 /PRNewswire/ -- "Não havia antecedentes de uma tecnologia como a nossa de reciclar isopor no país, o que representa uma área de oportunidade com grande potencial". Assim começou Héctor Ortiz, cofundador e designer chefe, no lançamento da máquina Reps-01, a primeira tecnologia mexicana com a capacidade de transformar o isopor de qualquer apresentação em granulados de poliestireno que podem ser usados para a fabricação de peças de plástico, como réguas, canetas ou quadros.

Foto - http://www2.prnewswire.com.br/imgs/pub/2014-07-10/original/2005.jpg

Entre familiares, amigos e autoridades da Universidade Nacional Autônoma do México, Héctor Ortiz e Jorge Luis Hinojosa da Faculdade de Engenharia (FI) apresentou o protótipo REPS-01 que converte eficientemente qualquer apresentação de material anteriormente usado, em pequenas esferas reutilizáveis que pode então se tornar produtos novos de plásticos úteis na vida diária.

Em 2011, Ortiz e Hinojosa realizaram suas pesquisas na UNAM para ver o impacto real do material nos aspectos sociais, econômicos e técnicos. Os resultados mostraram a importância do poliestireno expandido na sociedade mexicana e o potencial para criar postos de trabalho com um programa de reciclagem. A partir deste incentivo e com sua preocupação empresarial, começaram a projetar o protótipo e reintroduzir o isopor na cadeia de valor. Como objetivo principal, perceberam ser um produto de baixos custo, consumo energético e manutenção, montado com peças 100% mexicanas.

Gerardo Pedra Rocha, gerente de programas de reciclagem da Dart de México e que assessorou o projeto enfatizou: "Estamos honrados em apoiar tais iniciativas em que jovens estudantes unem visões sobre a gestão de resíduos sólidos, buscando favorecer a sociedade e o meio ambiente por meio do tratamento adequado do EPS com uma equipe 100% composta no país."

Os convidados conheceram as vantagens do isopor: é um isolante térmico, leve, resiste à umidade e que não apodrece ou mofa. Graças à facilidade para moldá-lo, atualmente produzem-se placas para a construção, acondicionamento e embalagem, copos e pratos descartáveis, mas acima de tudo, é um material reciclável.

Sob a bandeira da inovação e engajamento social, a universidade vai procurar vários lugares para apresentar esta tecnologia como um negócio alternativo ambiental, que tem como objetivo promover a reciclagem do poliestireno.

A empresa Dart tem presença em diferentes partes do mundo e é a primeira empresa de reciclagem de isopor pós-consumo no México. Em 2010, ela inaugurou sua fábrica que tem uma capacidade para reciclar 400 toneladas de isopor por ano.

Sobre a Dart

A Dart Container Corporation, fundada em 1937, estabelece o padrão de excelência na indústria, fornecendo embalagens de alimentos e embalagens de alta qualidade que são acessíveis, seguras e feitas de materiais que podem ser reciclados no âmbito das políticas de proteção ambiental. A Dart promove ações concretas todos os dias para promover a reciclagem de isopor nos países onde atua. Está sediada em Mason, Michigan. Suas filiais no México operam desde 1996, com três fábricas localizadas em Tijuana, Atlacomulco e Cuautitlán. Para mais informações visite www.reciclaunicel.com.mx ou telefone para 01 800 DART EPS (01-800-3278-377).

FONTE Dart de México




© Copyright 2006 - 2012 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira